Blog do Sonho Eterno

Analise das Resoluções de 2010

Posted on: 2 de janeiro de 2011

Quem é freguês antigo sabe, início de ano é época de analisar as metas que lancei no inicio do ano passado (2010) e analisar a porcentagem que consegui atingir. Para eventuais consultas, o post original esta aqui, segue meu levantamento do que consegui realizar até o ultimo dia do ano passado.

  • Iniciar um novo negócio. Pode ser abrir alguma coisa, mudar de emprego, ser promovida -opção mais difícil, ou até mudar de país.

Don’t. Eu ainda não tive coragem de deixar meu empreguinho cômodo e seguro para arriscar noutros mares. Não fui promovida, mas fui escolhida para trabalhar numa área melhor. Mudar de país fugiu de cogitação em abril, quando me apaixonei.

     

  • Perder peso, mas muito peso e não engordar mais. Objetivo mais difícil de todos.

 Don’t. Perdi muito peso num regime que fiz no meio do ano, mas engordei tudo de novo após um problema que passei.

 

  • Arrumar um namorado.
  •  

Do. Embora não estivesse procurando, esse ano aconteceu e eu estou namorando depois de um longo período de celibato. 

  • Viajar com minha mãe para NYC. 

Do. Ficamos um maravilhoso mês todinho hospedadas em plena Time Square, vivi junto com minha mãe muitos dos momentos mais felizes da minha vida. Foi uma oportunidade sem igual de poder curtí-la e desfrutar de uma cidade incrível como Nova York.

  • Tentar ficar arrumadinha e em NYC, aliás, em todos os lugares. Todas as minhas roupas que me deixam muito largada, daquelas de ficar em casa, foram doadas.

 Do. Todos os dias me maquiava para andar pela Big Apple e isso continuou o ano todo. Investi em roupas novas para o trabalho. Passei a trabalhar tão arrumadinha que minhas amigas acharam que estava de olho em alguém do serviço, mas estava apenas treinando minha auto estima.

  • Comprar um PC novo, já que fiquei seis meses sem computador em 2009. Meu pai conseguiu quebrar meu laptop tentando arrumar a fonte e danou o meu PC de torre tentando aumentar a memória. O coitado nem ligar,liga!

 Do. Na verdade comprei dois laptops, um VAIO em janeiro, que quebrou em julho e em seguida comprei um LENOVO que ainda vive. Foi o segundo VAIO que quebrou meu.

  • Conhecer a Estátua da Liberdade.

 Do. Desde a primeira vez que fui a NYC sempre desejei ir a estátua, mas sempre estava fechada. No ano passado ela reabriu e eu fui com mamãe. Nunca passei tanto frio na vida. Frio de todos os lados.

  • Ir à exposição do Tim Burton no MoMA.

 Do. Fui com mamãe a exposição e ela estava linda demais.

  • Comemorar os 30 anos de casado de meus pais, com uma festa ou com uma viagem de família.

 Do. Nós não havíamos planejado nada. Em outubro mamãe decidiu por fazer uma festança, em dois meses, planejamos, organizamos e fizemos uma festa linda, digna do programa “casamentos espetaculares”.

  • Deixar a minha sala de jantar estar bem arrumadinha e decorada.

 Do. Trouxemos quadros de NYC, compramos móveis e acessórios, as salas estão lindas, ‘mudernas’ e com direito a decoração fofa na sacadas.

  • Tentar ser mais controlada, menos debochada, menos grossa e mais feliz.

 Do. Tá sendo difícil, mas tento ser mais controlada. Quando estou contrariada argumento de forma pausada e baixa, digna das pessoas que sabem se controlar. Também estou cada dia mais feliz, nem sei como consigo ser tão feliz.

  • Se algum estrangeiro sambar para mim, achando que sou adepta desse ritmo caliente direi o quanto odeio samba.

 I don’t know. Bem, não ocorreu a situação citada, sendo assim, essa alternativa não vale. Foi cancelada!

  • Comemorar meu aniversário em grande estilo ou num jantar só para a família.

 Do. Minha festa estilo anos 50 foi um sucesso, convidei só os amigos mais chegados, foi muito divertido… veio gente de Minas, do Rio e do interior paulista festejar comigo.

  • Passar o natal de uma forma diferente de todos os anos, digo, sem tanta crueldade com os animais. A gente que comemora e eles que morrem? Em absoluto, não é justo.

 Don’t. Não tive coragem de abandonar meus pais no natal, embora quisesse uma comemoração mais saudável e consciente em Deus.

  • Não fazer a brincadeira de amigo secreto da família. Além de perder tempo, gastar dinheiro fazendo a brincadeira ainda tenho que escutar muitas reclamações. É a lei do preguiçoso, quem não faz nada, não passa por esse constrangimento. Em 2009 eu já não fiz a outra brincadeira, sempre além do amigo secreto, bolo uma brincadeira, já excluí isso. Espero esse ano ser capaz de não fazer nada, pelo menos para darem valor a mim.

 Do. Não organizei a brincadeira de amigo secreto, minha tia Lucinha o fez e deu tudo certo.

  • Guardar dinheiro para as próximas férias.

 Don’t. Eu estava até fazendo, mas depois que comecei namorar um carinha doutro estado, minhas reservas se foram…

  • Não comprar tantos sapatos.

 Don’t. Nem sei porque coloquei isso aqui, não consigo ficar sem comprar sapatos.

  • Chegar a 2011 sã e salva.

 Do. Estou aqui para contar história. 

No final das contas, realizei 70% das minhas metas, o que é muito positivo. Maiores informações sobre isso, veja a Retrospectiva 2010.

Anúncios

No Responses Yet to "Analise das Resoluções de 2010"

Parabéns pelas conquista, sempre se deve comemorar o que é
conseguido com muito ou pouco esforço, afinal como diz Paulo
Coelho, só você sabe o quanto lhe custou sonhá-las..

[…] Debora’s Weblog Rādhā-prīti devi dasi Pular
para o conteúdo
InícioHawaiin DreamMinha HistóriaNamoradosNew YorkPreto
e Branco ← Analise das Resoluções
de 2010 […]

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: