Blog do Sonho Eterno

Posts Tagged ‘Dicas

Um dos lugares que acho mais pitorescos em São Paulo é a Praça Benedito Calixto, um reduto boêmio aqui de São Paulo. O bairro, lembra-me um pouco o Soho de Buenos Aires e o Noho de New York.

A praça reúne muitas antiguidades e aqui vale um conselho, meu pai que é colecionador de peças antigas me disse que os produtos da Benedito Calixto estão com o preço BEM acima do mercado e que prefere comprar antiguidades de vendedores do Rio Grande do Sul, por oferecerem preços mais baixos e produtos melhor conservados. Ok? Mas ainda assim é legal para visitar e matar saudades dos nossos brinquedinhos de quando criança…

Outra atração do local são as feirinhas de estilistas novos ao redor da praça. Assim como no Soho de Buenos Aires, eles alugam um imóvel grande e os divide com stands de várias marcas de estilistas iniciantes. Garimpando, acham-se coisas muito bacanas, porém tem muita porcariada, coisas mal cortadas, visco-lycras, palas… Que podem transformar uma mulher de corpo bonito num verdadeiro tribufu.

Os freqüentadores são bem ecléticos, principalmente por ser um ponto turístico, é difícil achar um paulistano por lá. Tem desde modelos esquias a hippies sujinhos. Dá de tudo, família, jovens sem camisa, gente bebendo em boteco ou tomando um cafezinho quente no Franz Café, que vale ressaltar aqui que tem um péssimo atendimento, a única vez que fui lá estava bem vazio era uma manhã de sábado meio fria, queria um chocolate quente, esperei bastante e nenhuma garçonete veio me atender.

O evento na praça é aos sábados das 9 às 19 horas, no bairro de Pinheiros, bem na rua Teodoro Sampaio. A feira tem a participação cerca de 320 expositores divididos entre artesanato, antiguidades e alimentação.


Lá na praça a gente pode tirar a sorte no velho realejo. Repare como o pobre periquitinho está velho e cansado, nas primeiras fotos. Quase morri de dó. Nas fotos mais abaixo tem a banquinha de brinquedos e de livros antigos.


Na primeira foto, a do lado esquerdo, eu com meu pai no Franz Café e na outra mais antiguidades.

Anúncios

Queria eleger as 10 lugares que mais gosto em Nova York, foi difícil porque gosto muito de lá, compactando, deram 11, inseri mais uma, porque não saberia deixar uma delas de fora. Confira o que elegi como as 11 atrações imperdíveis do cenário de Sex and the City. Para quem conhece, veja se concorda com alguma coisa e quem não conhece, pode ser um estimulo para uma visitinha. Separei por ordem alfabética, ok?

Image Hosted by ImageShack.us

A B&H Photo é uma loja de judia que vende tudo o quanto é tipo de eletrônicos. E o mais legal, para quem tem dificuldade com o inglês, é que tem vendedores que falam português (inclusive são brasileiros). Gosto muito mais do atendimento dessa loja do que da concorrente JR. Como a loja é de judeu existem algumas particularidades; em determinada hora do dia todos os judeus saem de seus postos para suas práticas religiosas (por isso tem funcionários não judeus) e outra, a loja não abre aos sábados e fecha mais cedo na sexta-feira. Vale uma visita para pelo menos conhecer o sistema de esteira deles, se você comprar um produto em qualquer parte da loja há esteiras e elevadores levarão sua compra no caixa. Muita comodidade e modernidade.

Image Hosted by ImageShack.us

 

A Bloomingdale’s é a loja de departamento mais fina da cidade. Lá você pode comprar a sua bolsa Louis Vuitton, por exemplo. Estava louca para conhecer essa loja, já que é cenário de um dos meus filmes favoritos do tempo de criança Splash, uma sereia em minha vida, e digo que não me decepcionou em nada a loja é maravilhosa e cheia de grifes bacanas. A única reclamação é que sempre esta cheia.

Image Hosted by ImageShack.us

Image Hosted by ImageShack.us

Os espetáculos da Broadway são imperdíveis. Se for a Nova York, não deixe de ver pelo menos um show. Eu já vi Chicago, Mamma Mia!, A Pequena Sereia, O Fantasma da Ópera e Mary Poppins. Quero ver muito mais.

Image Hosted by ImageShack.us

A Century 21 é o paraíso das compras. Eles vendem marcas bacana a preço de banana. Lá pude realizar um dos meus sonhos que era encher um carrinho (desses de supermercado) de roupas. Uma delícia, uma loja de oportunidade para conhecer e voltar várias vezes. Como vendem muito o estoque sempre é renovado. É a única loja que abre às 7h da manhã que conheço.

Image Hosted by ImageShack.us

A ISKCON New York fica um pouco afastada, no Brooklyn. É um templo lindo, enorme e as deidades muito belas. As vezes que o visitei fui muuuuito bem recebida, eles fazem um muff dos deuses, quero muito ter a oportunidade de saboreá-los novamente.

Image Hosted by ImageShack.us

Adoro lojas de departamentos, deu para perceber, ne? A Macy’s é muito legal, na entrada você é alertado que é a maior loja do mundo. Deve ser mesmo, ela é enoooorme. Tem um andar só para noivas e outro infelizmente de peles (como a maioria das lojas de luxo e sem consciência). Almocei num restaurante que tem lá dentro, foi bem gostosinho e o atendimento foi bom.

Image Hosted by ImageShack.us

O Marriott Marquis é um sonho. Um hotel lindo, é um ponto turístico e tem a cama mais confortável e macia do mundo. Alias, colocaria uma cama do Marriott como um dos meus sonhos de consumo. Não importa, amodoro esse hotel, bonito, luxuoso e super bem localizado, fica no coração da Times Square.

Image Hosted by ImageShack.us

O Pier 17 é um desses lugares especiais. Foi cenário de um filme que assisti recentemente Vestida para Casar. Lindo, mesmo debaixo de neve, vale a pena.

Image Hosted by ImageShack.us

Passei horas nessa loja Toy R Us ela é demais tem muito brinquedo e muita Barbie que eu adoro! As crianças piram nessa loja, tem roda-gigante, Big Apple de Lego, dinossauro gigante que se mexe e faz barulho e um castelinho da Barbie de dois andares.

Image Hosted by ImageShack.us

Amo todas as lojas da Victoria’s Secret da cidade. Elas são lindas e cor-de-rosa. Sonho que um dia uma dessas lojas abram em solos tupiniquim, já pensou? Ia ser demais. Sou apaixonada pelos biquíni da marca, eles não são cavados no bumbum.

Image Hosted by ImageShack.us

A Virgin é outra loja que passei horas e horas. Fica na frente do Marriott. Quando ninguém queria sair comigo era para lá que eu ia. Comprei muitos filmes indianos, que infelizmente não são lançados aqui. Comprei cd de todos os musicais que assisti, livros, roupas e até uma bolsa e uma carteira. Existe outra filial da Virngin em Manhattan, mas a da Times Square é a mais legal.

Outra coisa, os museus de Nova York são ótimos, interessantes e divertidos. Os meus favoritos são Metropolitan, pude quase tocar num Monet e o Madame Tussauds, com seus bonecos de cera, mas a parte mais legal é o cenário de terror. Imperdível. Não selecionei nenhum restaurante, primeiro porque não gosto da comida amaricana, segundo que se paga muito caro por uma boa comida e terceiro sendo vegetariana na terra do hamburguer  é quase impossível comer bem.

No início do verão comprei um ventilador. Eu tinha dois circuladores de ar, mas o ventilador, desses que ficam virando de um lado para o outro, foi à melhor aquisição dos últimos anos. Explico.

No verão minhas gatas não conseguem dormir direito e fica hiper agitadas na calada da madrugada, sendo assim, não consigo dormir. Então ligo o ventilador (porque se colocasse o circuladores de ar na direção exclusivamente delas, ficavam assustadas) que gira de um lado para o outro e assim as gatinhas não tem como fugir do vento. Elas dormem que e uma beleza. Sempre têm o hábito de acordar antes de mim e com essa maravilha tecnológica o despertador toca e elas ainda estão com preguicinha.

Aqui vai minha dica para quem tem gatinhos e que nessa época do ano eles ficam perdidos com tanto calor. Parece brincadeira, mas ontem fez 36º C aqui em São Paulo, alguém agüenta? Eu que não gosto, até entrei na piscina para me refrescar.

O que vocês têm dentro de suas bolsas? Ah! Varia, né? Eu mudo de bolsa com uma certa frequencia então sempre dependo do tamanho da bolsa para saber a quantidade de coisas dá para carregar. No momento que fiz essas fotos estavsa indo viajar, por isso tenho dois livros dentro dela, porém a camera fotográfica sempre esta comigo.

Tá, tá não vou ficar escrevendo o que tem lá dentro. Veja:

O que tenho dentro da bolsa:

Image Hosted by ImageShack.us


1. Minha bolsa é enorme, embora de vez enquando eu a troque, essa é a minha favorita. De vinil, porque evito usar couro, estampada com caveiras douradas. Da marca Loungefly, minha mãe me deu de presente.
2. Dois celulares um da Vivo (preto) e o outro da Oi (vermelho).
3. Óculos de sol da Betsey Johnson comprado numa liquidação em New York.
4. Máquina fotográfica portátil para os flagras do dia-a-dia. Gosto dessa máquina ela faz vídeos compatíveis com o formato de publicar no Youtube.
5. Minha nécessaire veio com algum produto da Victoria’s Secret. Era da minha mãe e eu surrupiei.
6. Minha carteira, que combina com a bolsa. Comprei na Virgin de New York.
7. Porta níquel comprado no 1,99. Dentro tem algumas bijux que usei e ainda não tirei da bolsa.
8. Escova e creme dental. Tenho mania de escovar os dentes. Se chupo uma balinha já é motivo para escová-lo. Acho nojento aquelas pessoas que ficam com massinhas entre os dentes.
9. Uma bolsa de tecido para eventuais compras e evitar trazer mais uma sacola plástica para casa.
10. Meu molho de chaves.
11. Crachá da firma.
12. Escovinha rosa.
13. Caderneta do Chococat. Reparem que não tenho nenhuma caneta dentro da bolsa.
14. Estava com dois livros dentro da bolsa:
Vaisnavi Women and the Workship of Krishna (Sobre as mulheres Vaisnavi)
A Nova York de Sex and the City (Guia de Turismo)
15. Saquinho e minha japa-mala.

O que tenho dentro do porta-níquel:

 

Image Hosted by ImageShack.us


1. Detalhe do meu porta-níquel.
2. Anel de prata e com uma pedra argentina chamada rosa inca.
3. Par de brincos da mesma procedência do item anterior.
4. Brincos de prata.
5. Brinco que ganhei da Edneusa.

O que tenho no meu chaveiro:

Image Hosted by ImageShack.us

1. Chave do carro do meu irmão.
2. Prancha do Grêmio.
3. Chaves da casa da minha tia em Caraguatatuba.
4. Meu amor pelas vaquinhas… amo tanto que não as como!
5. Chaves de casa.
6. Chave e alarme do meu carro.

O que tenho dentro da nécessaire:

Image Hosted by ImageShack.us

Minha nécessaire estava lotada, depois que fiz a foto, tirei quase tudo dela. Maior peso.
1.A nécessaire. Nem parece que cabe tudo isso!
2. Base da Clinique.
3. Batons das marcas Avon, Natura e Nívea. Muita coisa, né? Só deixei dois depois da foto.
4. Esmalte Risque. Sempre carrego o esmalte que estou na mãos na bolsa, caso dê uma lascada nas unhas.
5. Sombra da Avon.
6. Sombra branca da Avon que uso para afinar e iluminar o rosto. Aqui vai uma dica, para o rosto parecer mais fino passe na região do maxilar e para esconder a papada passe-o do queixo para o pescoço. Dá super certo.
7. Lápis preto para os olhos da Natura. Para mim esse é o melhor lápis preto do mundo!
8. Estojo de pincéis da Avon.
9. Elástico de cabelos. Odeio comer com o cabelo solto ou para dias quentes.
10. Rímel maravilhoso Lancome.
11. Pó compacto Clinique.
12. Escova e creme dental das marcas Sorriso e Colgate respectivamente.
13. Uso todos os dias, inclusive chuvosos e nublados protetor solar. Os dois são da Avon um é proteção 15 e o outro 50. Vario conforme o tempo ou minha exposição solar.
14. Remédio que estou tomando para dor no braço.

E você? O que tem dentro da bolsa? Conta aqui nos comentários.

Buenos Aires é um ótimo lugar para conhecer num final de semana prolongado, afinal de contas esta há 2:30h de vôo de São Paulo 3h do Rio de Janeiro e 1:30h de Porto Alegre. As duas vezes que estive lá fiquei apenas três dias (a primeira vez foi no feriado de Nossa Senhora Aparecida e a segunda no feriado municipal de Osasco). A cidade com ares europeus (é o que todo portenho diz de boca cheia) é sofisticada, interessante e intrigante. Amo Buenos Aires. Como havia prometido vou dar dicas da cidade através da minha experiência, acompanhem os posts dos próximos dias.

Alguns cliques:

Aeroporto de Buenos Aires. A primeira vista quando chegamos à Argentina.

 

A Petrobrás é a primeira empresa que vemos na Argentina, ainda dentro do aeroporto. Alias, a Petrobrás patrocina muitos eventos no país.

 

Meu irmão, minha mãe e eu na Recoleta.

 

Um taxista nos contou que a Av. 9 de julho é a avenida mais larga do mundo. Não sei se é verdade.

 

Obelisco, quando chegamos à Argentina tinha uma faixa lembrando a Guerra das Malvinas.

 

Órgão de uma igreja.

 

Até o concorrente estava por lá! Essa agencia é do centro.

 

Outra agencia, agora na Recoleta.

 

Pichação e protesto numa rua. Achei engraçado o cesto vazio na frente na frente da frase no muro.

 

 

Lamb-lamb.

 

Tem argentino com o mesmo bom gosto da Edneusa.

 

Meu pai e eu num restaurante da Recoleta.

 

Amanhã o post será sobre O Señor Tango.


Anúncios