Blog do Sonho Eterno

Posts Tagged ‘Rio de Janeiro

No final de semana passado fui com minha família, pais, irmão e uma prima, a uma festa de aniversário de outra prima no Rio de Janeiro. Eu já havia feito uma visita a cidade maravilhosa anteriormente, também foi uma passada fast, mas trago boas recordações.

 

Algumas praias da Zona Sul do Rio, como Ipanema e Leblon, lembram a praia de Pitangueiras em Guarujá, cidade que localizada no litoral sul do estado de São Paulo. Ambas têm um calçadão grande, cheio de gente caminhando, se exercitando, do outro lado muitos prédios antigos que se misturam com alguns poucos empreendimentos mais novos. Até o mar é parecido, dando para ver ilhotas e montanhas de pedras dividem uma praia da outra. As ruas secundárias de ambos as praias são arborizadas e cheias de prédios, o que resulta numa sombra quase que constante, aliviando o calorão típico do verão. Claro, o Rio é uma cidade maior, mais cheia de gente e de turistas estrangeiros.

 

Assim como São Paulo, o Rio de Janeiro é uma cidade grande e sofre dos problemas das grandes metrópoles mundiais. Mesmo sendo final de semana, peguei alguns engarrafamentos em diversos pontos da cidade. Ledo engano quem pensa que transito ruim é privilégio de paulista. Lá também está seco, como aqui em São Paulo, há semanas não chove, embora tenha aquele marzão lindo para dar um refresco, ainda assim no horizonte existe aquela faixa cinza que inibe nossa visão alcançar lugares mais distantes. O inexperiente poderia até confundir o cinza da poluição com a neblina, mas não é. E vou confessar uma coisa para vocês, eu fico tensa o tempo todo que estou no Rio. Acho que é por conta do jornalismo policial, que sempre mostra traficantes dominando a cidade, fico com medo de bala perdida, não sei se é real, mas a gente, os paulistas, tem sempre a impressão que o Rio de Janeiro é mais violento que São Paulo.

 

A primeira vez que fui ao Rio, fiquei andando de taxi. Dessa vez, meu pai optou por alugar um carro. A priori fiquei um pouco preocupada, a gente sempre escuta histórias de turistas que entraram num determinado morro e foram executados. Mas não tivemos muitos problemas, levamos um GPS, embora não sabíamos andar na cidade, o GPS quebrou um galho e não tivemos maiores problemas.

 

Visitamos algumas praias dessa vez, Ipanema, Copacabana, Leblon, Barra e uma praia bem bonita em Niterói. A cidade é realmente linda, uma cidade grande que ainda conserva algumas belezas naturais. Mas o que acho discrepante é que a toda hora vemos favelas, como elas ficam nos morros, ou seja, em evidencia. Dá um pouquinho de medo. A primeira vez que fui ao Rio fiquei na casa de uma moça na Tijuca. Um lugar lindo, bem próximo a uma praça bem cuidada e cheia de arvores, mas de noite foi um tiroteio só.

 

Fico triste quando vejo lugares lindos como o Rio, ou até São Paulo, que não é tão bonito assim, sendo degradados. Enfim, o caos está instaurado e parece que não existe interesse em modificar a cidade.

Fausto Candelária /-Ag news

O look comentado do dia foi o de Carol Dieckmann. A ex-loira apareceu com um mini-short jeans, compondo um visual carioca-roqueiro, por conta do cinto. A atriz, que esbanja boa forma, foi flagrada num encontro com a também atriz Claudia Jimenez, no Leblon, Zona Sul do Rio. Segundo Carol, o shorts foi feito por ela. Pegou uma calça velha de seu maridon e passou a tesoura… pronto! O resultado foi esse.

Inspirando na tendencia da atriz, peguei 3 looks, daqueles que deixo guardado aqui no meu computador para essas ocasiões. Temos aima 3 garotas estilosas que usam o shortinhos, desses que ficam com o bolso para fora. A americana Rhiannon, combinou shorts+coturno+camiseta cavada e top. É um vistual muderno e ousado. Eszter é da Austria, eu achei na net umas austriacas super-estilosas, aos poucos vou colocando aqui no blog. A Austriaca, que tem a minha produção favorita, usou uma gladiadora (meio ankle boots)+short+blusa gola princesa preta e cardigam. Um arraso essas pernas longas, assim como da francezinha Denni. Embora não curta essa tendência de jeans by jeans, sou da época que o assunto era proibido, an Denni, que além de linda tem um corpitcho de modelo até que caiu bem. A francesa usa ankle boots+short e camisa jeans.

Ontem, dia 18 de agosto, aconteceu no Citibank Hall, na Barra da Tijuca, mais um Premio Multishow e nós ficamos ligadinhas para ver o visual dos famosos. Quem sabe não nos inspirar? Não vimos nada incrivelmente maravilhoso, porém tinham muitos looks horríveis que preferimos nem comentar.

Aqui no Brasil não existe muita tradição ainda em red carpet, sendo assim, muitas beldades apareceram de roupa de dia-a-dia e sem o mínimo de sofisticação. Outra coisa é que os fotógrafos não se preocupam em tirar foto de corpo inteiro, sendo assim, os sapatos muitas vezes ficam de fora!

Ai, senhor fotografo, os sapatos são um dos itens mais importantes para compor o visual.


Particularmente me simpatizo com Dani Suzuki desde que ela era a Miyuki na Malhação, ela era divertidíssima! Gostei do vestido da Dani, ficou bonito no corpo magro dela, até o balonê, que é difícil para a maioria das mulheres. No entanto, os acessórios foram escolhidos com pouca criatividade. Não que estejam errados, mas comprar carteira (ou bolsa) combinando com o sapato esta um pouco out. Já o vestido de Pitty, foi criado pela artista plástica Catarina Gushiken, que é japonesa e buscou inspiração nos quimonos para fazer o vestido. Sophie Chariotte esta bem basiquinha para não errar. Tenho visto ultimamente Dani Winits usando muita legging. A atriz diz que é para compor um visual mais rock ‘n roll. Só tem que cuidar para não ficar com o bumbum muito predominante, pode ficar vulgar.


Gostei do vestidinho de Perola Faria, porém achei que ficou over com os acessórios todos combinando. Se fosse de uma cor mais básica não chamaria atenção, mas tudo roxo? Ficou demais. Mariana Rios ficou com o meu look favorito. Os mini-vestido tomara que caia estão com tudo e ela pode usar e abusar, gostei da bolsa preta que não combina com o scarpin pink. Patrycia Travassos errou. Não dá para ver muito a roupa dela, mas não gosto muito de bota para red carpet. Elas são tão informais… A atriz Iris Valverde apostou num vestidinho branco com acessórios preto e uma carteira coloridona. A Isis é linda, mas não gostei do look ficou obvio demais.


Se não fosse por essa faixa na cabeça, teria curtido o visual de Maria Flor. O vestidinho coloridão é interessante, com a bolsa Chanel amarela e sapatilhas prata, ficou ousado, porém interessante. Maitê Proença pegou a cortina do provador de uma loja da Benedito Calixto e fez esse vestido. Só pode ser. Também gostei do look de Luiza Valdetaro, o tomara que caia com detalhes de volumes assimétricos só ficou legal em Luiza, porque ela é bem magrinha, do contrario, ia deixá-la com a aparência mais roliça. O sapato cor da pele é uma pedida super atual, todas as mulheres devem ter um par, vai com praticamente tudo. Emmanuele Araújo também estava num tomara que caia verde, e sandálias meio anos 60. Estava bonita, porém sem nenhuma novidade.


O preto e branco sempre formam uma combinação elegante e foi nisso que Cris Vianna apostou. Porém acho que faltou alguma coisa para dar um quê amais pela importância do evento. Já Vitória Frate estaria prefeita se não combinasse o scarpin pink com a carteira. Vitória, me liga… onde comprou esses scarpins? Super-quero para passar meu verão Barbie Malibu lá em Guarujá. A apresentadora Giovana Tominaga não ousou. Escolheu um tomara que caia, mais um, acetinado roxo, o sapato não consegui ver. Amanda Ritcher combinou o esmalte vermelho da mão com os pés. Não acho legal, se quiser passar um vermelhão nas mãos (ou no pé) prefira uma cor mais neutra no outro membro.


Luiza Brunet foi a única que deu um tom de gala em seu visual. Escolheu um vestido simples, mas bonito. Gostei da cintura marcada com o cintinho, é super-tendencia. Gosto do estilo moderninho de Bianca Jahara desde o BBB. Ficou ousado as luvinhas de motocross, mas deu um tom rock ‘n roll em seu look totalmente black. Diana Bouth estava indo de tarde fazer compras com as amigas no shopping? Julia Almeida escolheu um vestidinho de renda, meio romântico e combinou com um casado de couro… só não sei se usaria essas sandálias para compor o visual.

 

Por último, os looks que menos gostei. Falando em Marilene Saade, não ficou toda pálida? Cabelo, pele, vestido e pashimina todas bege? E para continuar no tom, a sandália e a carteira dourada. Ela não estava inspirada. Já a cantora Sandra de Sá parecia ir a uma espécie de baile do ridículo. Vocês não concordam?


Quem acompanhou os desfiles do Fashion Rio percebeu uma moda bem feminina e delicada. Algumas grifes apostaram em lacinhos, laços e até laçarotes. Amei essa tendência meio com cara de boneca. O biquíni da Salinas e o vestido da Juliana Jabour são objetos de desejo!

Outra característica bastante notável entre os desfiles foram os ombros marcados, valorizados… o que dá poder a mulher. Particularmente não gosto muito de ombros marcados, aumenta o meu tamanho aqui ó.

Me sigam no Twitter.

 

Um fato curioso do próximo verão são as saias balonês, alias, o verão será marcado por saias muito volumosas. Goste ou não, use ou odeie separamos alguns modelos dessa tendência para você. Acho lindo, mas não é para meu biótipo.

Gostei desse vestido da Tessuti, aparece uma pele fake, que aliás é politicamente correto. Não gostei desse vestidinho jeans da Têca, por falar na grife, vi muita coisa que não gostei dela na passarela. Parece mulher rendeira, coisa artesanal. Fino esse look da Mara Mac e simplesmente me apaixonei por esse amarelinho da Filhas de Gaia… lindo né?

Mais um arraso de Carlos Tufvesson que arrasou na produção, nas roupas, no cabelo, maquiagem, cenário, luz… tudo muito lindo e perfeito. A Acquastudio fez um vestido parece que perfeito e mais um volumoso da Filhas de Gaia.

Me sigam no Twitter.

A mulher brasileira é sensual. Ela gosta de se mostrar, de se exibir, de se sentir desejada e apontada… os desfiles do Fashion Rio apostaram em muitas peças transparentes, separei algumas delas para mostrar a vocês, espero que gostem:

Transparência nos vestidinhos da Cantão, Tessuti e Maria Bonita Extra, que foram todos trabalhados da mesma forma, ou seja, com uma peça debaixo da transparência para esconder aquilo que não se deve mostrar. Victor Dzenk ousou com uma saída de banho completamente transparente.

Transparências de leve ou não. O vestido da Têca revela todo o corpo, assim como a blusa da Coven e de Walter Rodrigues.

Me sigam no Twitter.

Amanhã às 8h e ponto eu volto com mais tendências do Fashion Rio.

Preferido por 9 entre 10 celebridades no verão o vestido curtinho é a cara da próxima estação. Se você é jovem e esta de bem com a balança, pode e deve usar.

Meu favorito dos dez é de Carlos Tufvesson, alias, a grife arrasou no Fashion Rio e com certeza terá muitos objetos de desejo em suas araras. Gostei também do modelinho cheio de babados da Cantão, embora engorde o vestido assimétrico é lindo.

Mais alguns modelinhos que desfilaram nas passarelas do Rio de Janeiro.

Me sigam no Twitter.

Amanhã às 8h e ponto eu volto com mais tendências do Fashion Rio.